Brasil enfrenta pior crise energética dos últimos 100 anos

Com a menor quantidade de chuvas da série histórica, reservatórios do país que alimentam hidrelétricas começam época mais seca do ano com baixo armazenamento de água e essa situação pode levar ao racionamento de água durante a pandemia e aumento da conta de energia.

O cenário pode ser explicado por um ano com chuvas abaixo da média, e pelo La Niña, que influencia na redução das chuvas em alguns locais.

Especialistas explicam que o prognóstico não é confiante, já que grande parte do país entra no período de seca em maio, e o nível dos reservatórios, que já estava abaixo do esperado.

ANEEL autoriza aumento na conta de luz

Diante desta crise crítico nos reservatórios das usinas hidrelétricas, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu nesta sexta-feira, 28, acionar o patamar mais alto do sistema de bandeiras tarifárias em junho.

Com a bandeira vermelha patamar 2, a conta de luz dos consumidores ficará ainda mais cara a partir do próximo mês, com a cobrança adicional de R$ 6,243 a cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

Veja essas matérias nos principais veículos de comunicação:

O globo: https://oglobo.globo.com/economia/bolsonaro-alerta-para-nivel-de-hidreletricas-diz-que-brasil-vive-maior-crise-hidrologica-da-historia-1-25012041

Gaúcha ZH:https://gauchazh.clicrbs.com.br/economia/noticia/2021/05/conta-de-luz-ficara-mais-cara-em-junho-com-bandeira-tarifaria-no-nivel-mais-alto-ckp9rig7t001301gt8teg4ink.html

CNB: https://cbn.globoradio.globo.com/media/audio/340774/brasil-enfrenta-pior-crise-hidrica-em-91-anos.htm

Se você quer ficar livre destes aumentos constantes fale conosco nós podemos te ajudar

Fale conosco: (51) 4042-4331

whatsapp ric komeco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

conteúdos exclusivos sobre energia sustentável? Assine nossa news